PUTIN AT VALDAI

https://vimeo.com/242329624 -- IT

https://vimeo.com/240763052 - PT

https://vimeo.com/242329303 - RO

FULL TEXT OF THE ORIGINAL SPEECH THAT WAS WRITTEN AND PRONOUNCED BY VLADIMIR PUTIN AT THE VALDAI DISCUSSION CLUB ON OCTOBER 19, 2017

Friday, August 4, 2017

PORTUGUÊS -- Seymour Hersh Afirma que o Relatório Sobre a Pirataria Russa É Desinformação da CIA

Seymour Hersh Afirma que o Relatório sobre a Pirataria Russa É Desinformação da CIA


Resultado de imagem para pictures of Seth Rich

O jornalista investigador Seymour Hersh https://pt.wikipedia.org/wiki/Seymour_Hersh confirmou, através de fontes do FBI, que os emails de Hillary foram furtados por Seth Rich e oferecidos ao Wikileaks em troca de dinheiro. Hersh confirma que as notícias falsas sobre a pirataria informática russa foi uma campanha de desinformação iniciada pelo Diretor da CIA, John Brennan. 


Hersh também confirma que, simplesmente, a comunicação mediática escreve o que a CIA lhes conta. Diz que foi por esse motivo que ele deixou o  jornal ‘New York Times’, há anos.

Eric Zuesse conclui que o relatório de Hersh é a prova de que a oligarquia americana protege os seus interesses, controlando as explicações e enganando o público americano, que é como a Matrix funciona.


Postado em 1 de Agosto de 2017 pelo WashingtonsBlog
Durante muitos meses, observamos que os emails da DNC (Comissão Nacional Democrática) foram divulgados por alguém que tinha acesso a essa informação confidencial e não foram pirateados pelos russos.
O jornalista investigador, Seymour Hersh, vencedor do prémio Pulitzer - que revelou em 1974 que a CIA estava a espiar Americanos e  que foi o primeiro a divulgar a história do massacre Mai Lai, no Vietnam e o escândalo da tortura nas prisões, no Iraque - disse numa entrevista telefónica recente, relacionada com o WikiLeaks:
 [A polícia do DC aprisionou o computador de Seth Rich, mas não conseguiu aceder à senha/à password dele.] Então, chamam a unidade de informática do FBI.
***
Os agentes do FBI Feds acedem [à senha/password do computador de Rich], e é isto que eles encontram. Isto está de acordo com o relatório do FBI.
***
O que o relatório diz é que – em determinada altura, no final da primavera ou no início do verão - ele [Rich] entra em contacto com o WikiLeaks. Essa prova está no seu computador.
***
Eles [o FBI] descobriram que o que ele [Rich] tinha feito, foi ter enviado (ao Wikileaks) uma série de documentos - de emails, de emails sensacionais - do DNC.
A propósito, toda essa patifaria sobre os emails da DNC, eles não foram pirateados...
Ele (Rich) ofereceu uma amostra, uma amostra extensa, tenho a certeza, de dezenas de emails, e disse:  ‘Quero dinheiro’. [Lembrem-se, que o WikiLeaks geralmente paga aos denunciantes.]
Mais tarde, o WikiLeaks conseguiu a senha/password. Ele [Rich] tinha uma dropbox, uma dropbox protegida, o que não é difícil de fazer.
***
Eles (o Wikileaks) tiveram acesso à dropbox. O mesmo consta no relatório do FBI.
Ele [Rich] também permite que algumas pessoas saibam com quem ele estava a lidar ... a palavra foi divulgada, de acordo com o relatório do FBI: "Eu também partilhei essa drop-box com alguns amigos, portanto, se algo me acontecer, não vai resolver o vosso problema".
***
Mas o Wikileaks conseguiu o acesso, antes de ele ser morto.
***
Tenho uma narrativa da maneira como começou esse absurdo. É uma operação Brennan [do anterior Director da CIA, John Brennan]. Foi uma desinformação dos americanos [sobre a campanha].

 https://www.youtube.com/watch?v=giuZdBAXVh0


Seymour Hersh Anuncia Que o 'RussiaGate' É uma Mentira Incutida pela CIA – Uma Vingança contra  Trump

Seymour Hersh Cracks ‘RussiaGate’ as CIA-Planted Lie — Revenge Against Trump
EDITOR'S CHOICE | 03.08.2017

Eric ZUESSE
Durante a última parte de uma chamada telefónica, realizada pelo maior jornalista de investigação do mundo, Seymour Hersh , ele apresenta agora, “uma narrativa [da sua investigação] sobre a maneira como essa coisa maldita começou”, incluindo quem está realmente por trás das mentiras do "RussiaGate" e o motivo por que é que estão a espalhar essas mentiras.
Num vídeo do YouTube, datado de 1 de Agosto, ele revela as suas fontes internas no FBI e no Departamento da Polícia de Washington DC – presentemente e muito antes do Conselheiro Especial do Departamento de Justiça, Robert Mueller, apresentar as suas “descobertas” oficiais à nação – a respeito das acusações de que a Rússia teve algum envolvimento nos vazamentos ao Wikileaks a respeito da DNC (Comissão Democrática Nacional) e da campanha de Hillary Clinton, que essas mesmas acusações divulgadas pela imprensa, eram uma mentira instilada pela CIA e que aquilo que o Wikileaks conseguiu, eram apenas divulgações (incluindo, pelo menos, as fornecidas por Seth Rich, funcionário assassinado da DNC) e não eram de ninguém do exterior (incluindo “os russos”), mas que Rich não foi morto por esse motivo, mas, sim, atingido nas costas durante um assalto brutal, que ocorreu nas redondezas da zona de elevada criminalidade de Washington DC, onde ele morava. Eis o video e a transcrição do mesmo:
Dir-lhe-ei o que sei:
 (Indistinto)surgiu de um relatório do FBI, não me pergunte como. Posso imaginar, estive lá tempo suficiente.
O jovem - não considero que foi assassinado [por causa disto]. Não penso que foi assassinado devido ao que ele sabia.
Esse jovem era um bom rapaz, de 27 anos. Não era um perito em Informática, sabia alguma coisa, era programador de dados, mas aprendeu coisas e residia numa rua, algures.
Vivia num bairro problemático e, precisamente, na área onde ele morava, tinha havido - tenho a certeza que você sabe - aconteceram cerca de 8, 9 ou mesmo 10 assaltos violentos, na maioria deles com alguém a brandir uma arma e tenho a certeza de que você sabe.
As mãos [do jovem] apresentavam marcas, os polícias concluíram [HERSH VIU O RELATÓRIO DA POLÍCIA]que ele lutou contra alguém, tentou correr e eles alvejaram-no duas vezes nas costas, com balas de calibre 22 e depois o jovem que fez isso, fugiu. Ficou assustado.
Então, os polícias fazem isto, aqui está o que ninguém sabe. O que lhe estou a dizer agora, talvez você saiba algo sobre isto.
Quando ocorre uma morte como essa, os polícias de (Washington) DC, como você está [a lidar agora com uma pessoa que está] morta, você geralmente não age rapidamente e vai embora.
Sim, eu sei qual é o motivo. Sei aquilo que acontece. Você tem de ir ao apartamento do jovem e ver o que pode encontrar. Se ele está morto, você não precisa de um mandado, mas a maioria dos polícias obtêm um mandado, porque não sabem se o jovem tem um colega de quarto. Portanto, requerem um mandado. Estou a dizer-lhe. Existe uma coisa dessas.
Eles entram e não podem conseguir muito do computador dele, [para encontrar a] senha/password. Os polícias não sabem muito sobre esse assunto, por isso, têm uma divisão informática, em DC, cujos funcionários são mais sofisticados. Eles entram no computador e investigam.
A ideia talvez seja que ele tenha tido uma série de trocas com alguém que disse: 'Vou matar-te, seu filho da p…' por causa de uma jovem, e eles não conseguem entrar. Os peritos em informática são um pouco melhores, mas não podem perceber o sentido do que encontram. Assim sendo, chamam a unidade dos peritos de informática do FBI.
A unidade DC, os que fazem o [controlo] de dados de proveniência russa e os auxiliares, são verdadeiros peritos. O responsável que dirige o departamento de Washington, é como um general de três estrelas numa base do exército. Está preparado [indistinto], você sabe o que quero dizer. Ele vai fazer um trabalho primoroso.
Existe uma unidade informática que é excelente. O que você obtém num mandado, a informação pública que você obtém num mandado não inclui os depoimentos subentendidos sobre o motivo pelo qual você está a entrar no computador, qual foi o motivo da investigação. Isso quase nunca está disponível, posso dizer-lhe – em 99% das vezes, a tese de um mandado é um documento público. Então eles chamam os federais. Os federais entram (no computador) e aqui está o que eles encontram [HERSH VIU O RELATÓRIO DO FBI].
Isto está de acordo com o relatório do FBI. O que eles verificam é que, em primeiro lugar, você tem de conhecer alguns factos básicos. Um dos factos básicos é que não existe nenhum email DNC ou email protegido, depois do dia 22 de Maio. O último email de qualquer um desses grupos. Então, o que o relatório diz, é o seguinte:
 (2: 50-) Num dado momento, no final da primavera passada, do qual estamos a falar, em 21 de Junho - não sei, talvez no final da primavera ou início do verão - ele (Seth Rich) entra em contacto com o Wikileaks. Isso está no seu computador e ele faz contacto: “Agora, tenho que ter cuidado porque conheci Julian [Assange] na Europa, há dez ou doze anos [atrás]. Afasto-me de pessoas assim. Ele convidou-me e quando estou em Londres, recebo sempre uma mensagem: ‘Venha ver-me na Embaixada do Equador’ e eu não vou lá. Tenho problemas suficientes, mesmo em ser fotografado. Ele está sob a vigilância total de toda a gente.”
Eles descobriram o que ele tinha feito. Ele [Seth Rich] enviou uma série de documentos, emails da DNC - e, a propósito, todo esse assunto sobre o DNC, você sabe, era ou não era “uma armação”?  Seja o que for que tenha acontecido, foram os próprios democratas que escreveram essa porcaria. Percebe o que quero dizer?
Tudo o que sei é que ele ofereceu uma amostra, envia uma amostra, você sabe, tenho a certeza, dezenas de emails e disse: “Quero dinheiro”. Mais tarde, o Wikileaks conseguiu a senha/a password [SETH RICH VENDEU AO WIKILEAKS O ACESSO AO SEU COMPUTADOR.] Ele tinha uma drop-box, uma drop-box protegida por uma [senha], o que não é difícil fazer. Quero com isto dizer, que você não precisa ser um especialista em TI [Tecnologia de Informação]. Ele não era burro. Eles (Wikileaks) conseguiram o acesso à drop-box. Tudo isto consta no relatório do FBI.
Também deixou que soubessem com quem ele estava a lidar. Não sei como ele conseguiu. Vou contra-lhe tudo sobre o Wikileaks num segundo. Com o Wikileaks, o mecanismo… Mas, de acordo com o relatório do FBI, ele partilhou a sua drop-box com alguns amigos, então "Se algo me acontecer, isto não vai resolver o vosso problema", ok?
Não sei o que isso significa. Mas, de qualquer forma, o Wikileaks teve acesso. E, antes de ele ser morto, posso dizer-lhe agora, [o Director da CIA, durante a Presidência Obama, John] Brennan é um idiota. Conheci essas pessoas durante anos. Clapper é um tipo melhor, mas não é uma pessoa extremamente inteligente. Os fulanos da NSA são atrasados mentais e o problema com todos esses fulanos é que a única maneira de serem contratados pela SAIC é se fornecerem alguns contratos [do governo]. https://www.law.cornell.edu/wex/government_contracts. É a única razão pela qual eles ficaram lá.
Com Trump, eles foram embora, vão viver das suas pensões, não vão conseguir fazer [grandes fortunas]. Tenho de dizer-lhe, que os fulanos nesse trabalho, não querem viver das suas pensões. Querem estar nas administrações [das empresas], como os seus [indistinto] milhares de dólares [corte].
Tenho alguém lá dentro, você sabe, estou lá há muito tempo. Alguém que irá ler um arquivo para mim. Essa pessoa é incrivelmente precisa e cuidadosa. É uma pessoa de um nível muito elevado e far-me-á esse favor. Você vai ter de confiar em mim. Tenho o que eles chamam no meu emprego, jornalismo de longa data. Tenho uma explicação da maneira como tudo começou.
 (5: 50-) É uma operação de Brennan. Foi uma desinformação criada pelos americanos e o Presidente, no momento em que eles começaram a contar à imprensa - eles eram o principal alvo de atenção – quando informaram a imprensa. O chefe da NSA contou à imprensa - o maldito e estupido Rogers - dizendo à imprensa que nós [eles] até sabíamos quem é que vazou a informação nos Serviços Secretos militares russos. Tudo mentiras flagrantes. Eles estavam a divulgá-las. Trabalhei no New York Times muitos anos, eram pessoas inteligentes, mas estavam totalmente dependentes das fontes.
Se o Presidente ou o Chefe da CIA lhes disser algo, eles acreditam realmente nisso. Aposentei-me do Times no final da Guerra do Vietnam, em 1972, porque eles estavam bloqueados. Então, é isso que o Times é. Essas pessoas dirigem o Times, e Trump não está errado. Gostaria que ele se acalmasse, tivesse um Secretário de Imprensa melhor, você sabe, que não fosse tão... Trump não está errado ao pensar que todos mentiram sobre a sua pessoa.
ATUALIZAÇÃO:
A cobertura da comunicação mediática sobre este assunto está concentrada em alegações de que Seth Rich foi assassinado a fim de ser silenciado. Toda essa cobertura mediática ignora muito do que Hersh disse ao telefone (onde Hersh deixa claro que Rich, de facto, foi assassinado num assalto vulgar) e, portanto, deve ser visto como um exemplo do que o Washington Post e outros jornais da comunicação mediática designam como "notícias falsas", mas que realmente se aplica a eles mesmos, acima de tudo, tanto os da esquerda como os da direita.
O objectivo dessas histórias de notícias "distorcidas" pode ser o desejo dos aristocratas do Partido Democrata e do Partido Republicano, distrairem a atenção do público da compreensão muito mais profunda a que conduz a "narrativa" que Hersh, nesse clip, está a descrever: apodrecidos pela aristocracia dos EUA, que controla estes doispartidos políticos da América, para enganar o público americano.O objectivo é proteger a aristocracia. Isto não é publicável; é o samizdat(1) americano. A corrupção governa os Estados Unidos. Não é o público. Isto é o que Hersh descreve nesta sua "narrativa".
(   (1) --  Samizdat: A cópia e a distribuição clandestina de literatura proibida pelo Estado, especialmente, como acontecia antes, nos países comunistas da Europa Oriental. 

washingtonsblog.com





Tradutora: Maria Luísa de Vasconcellos  
Email: luisavasconcellos2012@gmail.com

No comments:

Post a Comment

Manlio Dinucci


SUBTITLES -- EN, FR, IT, PT, TR

SI VOUS VOULEZ TRADUIRE LES RAPPORTS DE MANLIO DINUCCI D'ANGLAIS, FRANÇAIS OU ITALIEN DANS VOTRE LANGUE MATERNELLE, SVP VEUILLEZ DEMANDER À

IF YOU WANT TO TRANSLATE MANLIO DINUCCI'S REPORTS FROM ENGLISH, FRENCH OR ITALIAN,INTO YOUR NATIVE LANGUAGE KINDLY CONTACT

luisavasconcellos2012@gmail.com


PUTIN FRENCH

putin

VLADIMIR SOLOVYOV WORLD ORDER

PRESIDENT

lie we live

pt

xmas





“Glory to God in the highest,

and on Earth

Peace, Good Will toward men.”

This Christmas, Give Peace